YK Editora Thoas Marky - Coquetel de Lançamento

Esta página é dedicada à memória do saudoso Thomas Marky.

O evento em homenagem ao seu centenário foi realizado no dia 17/10/19 às 19h30 no Salão Nobre - FADUSP e no Salão Visconde de São Leopoldo. Na ocasião foram lançadas duas obras: Curso Elementar de Direito Romano e Estudos em Memória do Professor Thomas Marky.

Livros Thomas Marky

THOMAS MARKY – VIDA E OBRA

Budapest, outubro de 1944. A Segunda Guerra Mundial, na frente europeia, aproxima-se de seu fim. Após invadir as fronteiras da Hungria no início desse dramático mês, o Exército Vermelho está às portas da capital magiar. As tropas russas, comandadas pelo Marechal Malinovskij, preparam a sua ofensiva contra a cidade. A capital está prestes a ser tomada, não obstante sua defesa pelo exército alemão e por parte ainda do húngaro.

Na Faculdade de Direito de Budapest, o Catedrático da disciplina de Direito Romano, Prof. Géza Marton, está assaz preocupado com a situação. Com 64 anos, grande jurista, escrevera importantes estudos não só em direito romano, mas, especialmente, em direito civil moderno. Tornara-se autor bastante conhecido internacionalmente, desde a publicação, em 1938, de uma das importantes obras do séc. XX em tema de responsabilidade civil – Les fondements de la responsabilité civile: révision de la doctrine, essai d’un systéme unitaire, Paris, Sirey, 1938 –, escrita diretamente em língua francesa.

PONTO DE VISTA DO DISCÍPULO

MURAL DE FOTOS

Thomas Marky
Thomas Marky adolescente. Budapest, anos 1930.
Thomas Marky
Thomas Marky na oficina de cerâmica de sua mãe, Katherine Poll Marky, ceramista artística.
Thomas Marky
Thomas Marky na Faculdade de Direito da USP – Largo de São Francisco, ministrando aula para a turma par do 1º. ano, na Sala Barão de Ramalho, térreo do Prédio Histórico. São Paulo, início dos anos 1970.
Thomas Marky
Thomas Marky na Faculdade de Direito da USP – Largo de São Francisco, ministrando aula para a turma par do 1º. ano, na Sala Barão de Ramalho, térreo do Prédio Histórico. São Paulo, início dos anos 1970.
Thomas Marky
Thomas Marky e o Prof. Alexandre Correia (pai), em Campos do Jordão (SP), nos anos 1950.
Thomas Marky
Thomas Marky e sua esposa, Claire Heller Marky, em 1951, no primeiro ano em São Paulo.
Thomas Marky
Thomas Marky e esposa, como padrinhos de casamento de um casal de alunos.
Thomas Marky
Jantar da colônia húngara de São Paulo, tendo Thomas Marky, ao seu lado direito, o conterrâneo Nicolas Boer, escritor e importante jornalista, durante muitos anos, do jornal O Estado de São Paulo.
Thomas Marky
Thomas Marky em viagem de turismo ao exterior. Anos 1980.
Thomas Marky
Thomas Marky em Budapest, na Faculdade de Direito, em 1992, na comemoração dos 50 anos de formatura, tendo, ao seu lado direito, seu cunhado, Thomas Heller e, ao lado esquerdo, seu discípulo, Eduardo Cesar Silveira Vita Marchi.
Thomas Marky
Thomas Marky e família: sua esposa, Claire Heller Marky, sua única filha, Cristina Marky Sobral, seu genro, Luiz Alberto Whitaker Sobral, e seus netos, Pedro e Paula. São Paulo, anos 1990.
Thomas Marky
Thomas Marky e sua esposa Claire, com os netos Pedro e Paula. São Paulo, anos 1990.
Thomas Marky
Thomas Marky e sua esposa Claire, em viagem de turismo à Itália. Anos 1980.
Thomas Marky
Thomas Marky e sua esposa Claire. Anos 1990.
Thomas Marky
Thomas Marky, em evento de confraternização da monitoria de Direito Romano da Fadusp, na residência do Prof. Alexandre A. Corrêa (filho), na rua Martiniano de Carvalho. São Paulo, segunda metade dos anos 1990.
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky e o Prof. Alexandre A. Corrêa (filho), em evento de confraternização da monitoria de Direito Romano da Fadusp, no salão de festas do edifício onde residia seu discípulo, Eduardo Cesar Silveira Vita Marchi. São Paulo, segunda metade dos anos 1990.
Thomas Marky
Thomas Marky em evento de confraternização da monitoria de Direito Romano da Fadusp, tendo ao seu lado direito, o Prof. Alexandre A. Corrêa (filho) e o seu “filho acadêmico” Eduardo Cesar Silveira Vita Marchi e, à esquerda, seu “neto acadêmico” Dárcio Roberto Martins Rodrigues. São Paulo, anos 1990.
Thomas Marky
Confraternização da Monitoria de Direito Romano da Fadusp. Da esquerda para a direita: Prof. Thomas Marky, Eduardo Cesar Silveira Vita Marchi, Bernardo Bissoto Queiroz de Moraes, Prof. Alexandre A. Corrêa, Dárcio Roberto Martins Rodrigues e Ignácio Poveda Velasco. São Paulo, segunda metade dos anos 1990.

MURAL DE FOTOS - EVENTO EM HOMENAGEM AO CENTENÁRIO

Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky
Thomas Marky